Gabriel Medina

Predestinado, talentoso, inovador, radical, campeão. Qualidades não faltam para a trajetória de Gabriel Medina, o maior ídolo do surf brasileiro na atualidade, o primeiro surfista do Brasil campeão mundial profissional.

Nascido em 22 de dezembro de 1993, ele começou a surfar efetivamente aos nove anos, influenciado por seu pai, Charles Saldanha, na Praia de Maresias, em São Sebastião.

O primeiro título de destaque nacional veio aos 11 anos no Rip Curl Grom Search, na categoria sub12, em Búzios/RJ. Depois, despontou em vários campeonatos de expressão, como Brasileiro Amador e o Paulista.

Sua primeira conquista no exterior foi o segundo lugar no Volcom Sub14, na Califórnia, e depois vice-campeão no Mundial Amador sub16, no Equador. Em julho de 2009, Gabriel assinou contrato com a Rip Curl e iniciou a carreira profissional.

Dez dias depois venceu a etapa do Mundial, no Brasil, ganhando projeção. Em 2011 veio a sequência que o garantiu na elite mundial, o QS 6 estrelas Prime em Imbituba/SC, os dois QS 6 estrelas na França e na Espanha. Além disso, uma vitória na etapa do Mundial Pro Júnior, também em ondas francesas.

Ingressou no CT no meio de 2011, com apenas 17 anos, o mais jovem até hoje e surpreendeu já vencendo duas etapas, na França e nos Estados Unidos. Em paralelo, foi campeão mundial Pro-Júnior, também pela World Surf League (WSL), em 2013, comemorando o título no Brasil, na Praia da Joaquina, em Florianópolis/SC.

No ano seguinte, o sonhado título mundial, o primeiro de um brasileiro e de forma mais do que convincente, com três vitórias em etapas. A inédita conquista garantiu a Gabriel o status de ídolo nacional e desde aquele momento, decidiu colocar em prática o sonho de criar seu instituto para retribuir o que o surf lhe proporciona.

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support